Sete livros para ler enquanto Harry Potter and the Cursed Child não chega

J. K. Rowling explodiu a internet mais uma vez. Na última quarta-feira (10/02), a autora de Harry Potter anunciou que a peça Harry Potter and the Cursed Child, que se passa dezenove anos depois dos acontecimentos de Relíquias da Morte, vai virar livro – e será vendido a partir de 31 de julho (o dia de aniversário de Harry). Para ajudar a segurar a ansiedade até lá, selecionamos dez livros incríveis que podem ajudar nessa longuíssima espera:

 

Jonathan Strange e Mr. Norrell, de Suzanna Clarke

Esse é para quem está sentindo saudade do clima britânico, de bruxos poderosos e, é claro, de muita magia. O estilo narrativo de Clarke transporta o leitor diretamente para a Inglaterra no século 19, onde a magia parou de existir… até então. O livro virou série da BBC, que tem uma pegada bem mágica e sombria.

 

Os Magos, de Lev Grossman

Escola de magia? Tem. Adolescentes problemáticos e indecisos? Tem também. A trilogia de Grossman não esconde suas referências em Harry Potter – há até uma piada com Testrálios no primeiro livro. Mas não espere a sutileza de Rowling ao lidar com dramas da adolescência. Grossman construiu um mundo mágico muito mais sujo, com direito a traições, sexo e drogas.

 

O Nome do Vento, de Patrick Rothfuss

Rothfuss provavelmente inventou uma das universidades de magia mais legais do universo fantástico. Além disso, a trilogia Crônicas do Matador do Rei prende o leitor até a última página por um monte de motivos – entre eles, a narrativa misteriosa de Kvothe, o protagonista. E para quem sente falta de esperar ansiosamente pelo fim de uma série, uma boa notícia: o último livro da saga deve sair este ano (com sorte).

 

A Bússola de Ouro, de Philip Pullman

Esqueça para sempre a adaptação cinematográfica desse livro. Pullman construiu um universo rico, nebuloso e atormentado que não foi representado com fidelidade nas telas. Há quem diga que a série Fronteiras do Universo é o inverso perfeito de Crônicas de Nárnia; enquanto o segundo é inspirado na Bíblia, Lyra e seus amigos dão vida a uma releitura rica de Paraíso Perdido, de John Milton, que mostra o lado infernal da expulsão de Adão e Eva do paraíso.

 

Ciclo de Terramar, de Ursula Le Guin

É diferente de tudo o que você já leu sobre escolas de bruxaria. Le Guin é conhecida por sua ficção científica de ponta; ler uma obra de fantasia com o mesmo toque da autora é bem especial. Le Guin bebe muito da fonte de Tolkien na construção de seus personagens e da dinâmica mágica que é estabelecida em Terramar. A parte ruim? O livro está praticamente esgotado – mas deve ser republicado pela Editora Arqueiro em breve.

 

Livros da Magia, de Neil Gaiman

O jovem protagonista, de cabelos escuros e óculos redondos, descobre que é bruxo – e ele e sua coruja branca como a neve decidem explorar o mundo mágico e os mistérios que os aguardam. Lembrou alguém? Para muita gente, Rowling copiou os quadrinhos de Gaiman na cara dura – mas a autora jura de pé junto que nunca tinha lido as aventuras de Timothy Hunter. Leia e veja se são tão parecidos assim.

 

Animais Fantásticos e Onde Habitam, de Newt Scamander

Você provavelmente já leu, a gente sabe disso. Mas além de ser uma leitura curtinha e deliciosa, o manual indispensável para estudantes de Hogwarts também está virando filme, estrelado por Eddie Redmayne. Pelo jeito, a Pottermania está longe de acabar…

 

Bônus: livros sobre Harry Potter

Vamos combinar: nada pode substituir Harry Potter. Se você está no clima de conhecer mais o universo do bruxo da cicatriz de raio, uma boa opção é ler sobre ele. Recomendamos alguns: o Conversas com J.K. Rowling, de Lindsey Frasier, recheado de entrevistas com a autora; Harry e Seus Fãs, de Melissa Anelli; e O Mundo Mágico de Harry Potter, de David Colbert, um guia que esmiúça as raízes mágicas e mitológicas da obra de Rowling. Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *