Conheça o projeto de ônibus suspenso que parece engolir o trânsito




Se você mora em uma grande cidade e depende do transporte público para se deslocar, existe uma forte possibilidade de que você sofra diariamente com a lentidão do trânsito. Aliás, em um dia especialmente congestionado, é possível que você inclusive tenha imaginado poder voar sobre todos os veículos da via para chegar mais depressa ao seu destino.

Pois você não foi a única pessoa que pensou nesse tipo de solução para driblar os carros! Há alguns dias, durante a International High-Tech Expo em Pequim, um time de engenheiros apresentou o projeto de um ônibus suspenso que trafega sobre as vias — e parece engolir os veículos no caminho. Veja na imagem a seguir:

Não parece que o ônibus está engolido os carros?
Não parece que o ônibus está engolido os carros?

Busão

O projeto, batizado de Transit Elevated Bus, envolve um veículo elétrico que circularia sobre trilhos e teria capacidade para transportar até 1,4 mil passageiros. O busão (os criadores se referem a ele como ônibus, e não trem) viajaria com velocidade de 60 quilômetros por hora — bem mais rápido do que muitos ônibus que existem por aí! — e funcionaria como uma espécie de túnel móvel que se deslocaria sobre o trânsito. Assista ao vídeo abaixo:

De acordo com os engenheiros, o ônibus permitiria que carros com até dois metros de altura circulassem tranquilamente sob ele e, segundo a proposta inicial, ele ocuparia duas vias. Como você viu no vídeo, o Land Airbus (esse é o nome do busão) seria equivalente a um sistema de metrô, mas teria um custo 80% mais baixo para ser implementado. O tempo de construção das vias também seria menor — afinal, elas seriam instaladas em ruas e estradas já existentes.

Além disso, cada Land Airbus poderia substituir até 40 ônibus convencionais, resultando em um corte no consumo de combustível de 800 toneladas e na redução na emissão de gases poluentes em mais de 2,4 mil toneladas anuais.

Modelo apresentado durante a feira em Pequim
Modelo apresentado durante a feira em Pequim

Segundo as estimativas, o sistema poderia ser instalado em apenas um ano, mas o projeto gerou um pouco de preocupação com respeito à segurança. O modelo apresentado pelos engenheiros não possuía barreiras de proteção em caso de colisões nem considerou como seria a circulação com veículos mais pesados, como vans e pequenos caminhões. No entanto, os primeiros testes com os ônibus estão programados para ter início entre julho e agosto na China.

Via Mega Curioso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *