Família devolve livro que bisavó pegou emprestado de biblioteca há 100 anos




A senhorinha Phoebe Marsh Dickenson Webb, de 83 anos, entrou na biblioteca pública de São Francisco, nos Estados Unidos, e resolveu pegar emprestado um livro de contos. Até aí, tudo normal… Acontece que esse livro demorou 100 anos para ser devolvido, conforme relata o Huffington Post.

A demora na devolução aconteceu porque Phoebe faleceu antes de concluir a leitura e antes de vencer o prazo de devolução do livro. Com isso, a publicação acabou sendo esquecida até recentemente, quando a bisneta da senhora, Judy Wells, resolveu devolver o livro à biblioteca.

Mais curioso ainda é o nome do livro: “40 Minute Late”, algo como “40 Minutos Atrasado”. Ele foi encontrado nos pertences de Phoebe por outro bisneto, em 1996, que também não o devolveu à biblioteca, assumindo que acabou lendo a “herança” da bisavó.

Webb Johnson encontrou o livro nos pertences da bisavó em 1996
Webb Johnson encontrou o livro nos pertences da bisavó em 1996

Luis Herrera, administrador da biblioteca, ficou surpreso por receber de volta algo tão antigo. A multa pelo atraso seria estratosférica, caso fosse aplicada; porém, um programa de anistia para livros muito atrasados foi implantado pela biblioteca de São Francisco, por isso a família não terá que desembolsar nada pela custódia secular do exemplar.

Agora, “40 Minutes Late” deverá voltar às prateleiras para angariar novos leitores. Webb Johnson, que achou o livro em 1996, disse que ele é muito bom e recomenda a leitura. Foi por isso que ele manteve a publicação em sua posse nos últimos 20 anos. Outra possibilidade é a de o livro entrar em exposição na própria biblioteca.

Via MegaCurioso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *